Este site foi concebido para ser visto num browser dentro dos limites da caducidade: infelizmente não é o caso do seu. Assim, a sua experiência de navegação será seriamente afectada. Sugerimos a instalação de um browser mais séc. XXI, se lhe for possível: http://www.mozilla.com/firefox . Mas qualquer outro serve.

Rititi

Rititi

INÍCIO

  • doida de amor

    DOIDA DE AMOR

    … Mas a Joana de Castela o que a perdeu foi a sinceridade das vísceras, esquecendo que esta naturalidade no sentir serviria como argumento perfeito de ataque aos seus inimigos políticos (começando por Felipe, o Belo): a feminidade no seu esplendor, reflectida na suposta incapacidade de toda mulher para dominar o útero, as hormonas e as emoções mais básicas. Hoje trataríamos a loucura de Joana com pastilhinhas às cores e um par de visitas ao terapeuta, mas não deixa de ser curioso ver como passados quinhentos anos as mulheres continuam a ser questionadas pela falta de controlo ou serenidade, como se nos faltasse o parafuso do sentido comum por oposição aos cabais homens…

    Sobre Joana, a Louca, na coluna “Mulheres à Solta” da Revista Atlântico de Março.



    Por Rititi @ 2007/02/28 | 3 comentários »

  • hey says:

    I know this site offers quality based posts and other stuff, is there any other web page which offers such stuff in quality?|

  • Hi it’s me, I am also visiting this web page daily, this web site is really fastidious and the users are genuinely sharing fastidious thoughts.|

  • Leave a Reply

    Your email address will not be published. Required fields are marked *