Este site foi concebido para ser visto num browser dentro dos limites da caducidade: infelizmente não é o caso do seu. Assim, a sua experiência de navegação será seriamente afectada. Sugerimos a instalação de um browser mais séc. XXI, se lhe for possível: http://www.mozilla.com/firefox . Mas qualquer outro serve.

Rititi

Rititi

INÍCIO

  • vi adorei e espero de coracao uma_08

    Vi, adorei e espero de coração uma segunda parte
    Sex and the City
    E repito o que escrevi no Pnet Mulher:
    “Amigas, moda e sapatos, festas, dietas, sexo, álcool e amor. Há acaso temas mais importantes para uma mulher? Como é possível que Sex and the City não tenha ganho já um Nobel da Paz pela inestimável ajuda à aproximação e acasalamento do ser humano como espécie em evidente perigo de extinção? Mas comecemos pelo princípio e com uma confissão que a estas alturas deverá parecer absurda: eu, Rititi Barata Silvério, sou fã ABSOLUTA da pandilha de Carrie Bradshaw desde aquela noite lisboeta sem planos e com menos dinheiro em que me sentei à frente do televisor de quatro canais e me deparei com um universo de glamour, relações sexuais plenamente (e sempre) satisfatórias, miúdas giras, homens bem vestidos, discotecas e cocktails com estilo e sapatos que nunca magoavam os pés. E fiquei devota das aventuras amorosas das histórias destas quatro amigas com vidas absolutamente irreais, mas fabulosas, que habitavam numa realidade paralela onde é possível que o ordenado de cronista de um jornal de terceira dê para pagar a renda de um apartamento em Manhattan, a subscrição a todas as Vogues do planeta e uma vida dentro do táxi e duns Jimmy Choo de salto impossível.
    Depois casei-me e vim viver para Madrid e as minhas crónicas foram publicadas num livro e troquei de casa e de bairro e até engordei uns quilos e mudei de penteado, ao tempo em que ia comprando em DVD todas as temporadas da série. Os meus amigos foram mudando e eu, graças aos céus, também e se antes tinha adorado as malas da Louis Vuitton um dia evolui e aprendi a amar as colecções vintage da casa Dior. Carrie, entretanto, já tinha abandonado a ideia de ser feliz com Mr Big, Samantha, como muitas mulheres que eu conhecia, lutava contra um cancro da mama, Charlotte confrontava-se com o (seu) fracasso orgânico da esterilidade e Miranda era mãe de produção independente, com a consequente desaprovação da empregada polaca devota da nossa senhora de Fátima. As festas e os sapatos continuaram a encher episódios, mas a vida tinha que continuar.
    Uma vida como as das espectadoras, mas melhor vestida. Porque este foi o grande segredo da série: apresentar ao mundo existências que repetem tópicos universais (o amor, a segurança, a família), mas metidas num embrulho mais bonito, mais limpo e mais caro. Nós já sabemos que a vida é uma merda, que há pessoas que morrem de cancro e de amores impossíveis, que há desemprego, alzheimer, ordens de despejo, frustrações, celulites e cornos, que nem todas podemos ficar grávidas e as que ficam nunca mais voltarão a caber numa 38. Mas quem é que gosta de ver filmes de Ken Loach? Eu, sinceramente, prefiro rir-me, fantasiar, e chorar com aquele último capítulo da série, quando o conto de fadas de cada uma das personagens se faz realidade e o mundo volta a ser um lugar que, apesar de doloroso e frustrante, nos pode fazer felizes. Eu não tenho complexos nenhuns com isto, era o que mais faltava.”
    (Obrigada, manamalindacósolicateferavista! Não pode haver melhor prenda de Natal!)


    Por Rititi @ 2009/01/08 | 14 comentários »

  • S* says:

    Nunca segui a serie com muita atençao… Para quem na tem TV cabo é um bocado dificil seguir porque… simplesmente nao passa na televisao e quando passava era de madrugada.

    Mas de cada vez que leio um texto sobre a série e o filme fico rendida. :P

    Parabéns rititi. Fizeste-me ter vontade de correr para o clube de vídeo mais próximo. :p

  • rititi says:

    Querida: seriesyonkis.com. Espero que nao esteja dobrada a série!

  • Ck in UK says:

    o que mais me lembro e da serie 4 comecar e ter uma amiga em casa para a ver. No pino do inverno, sem agua quente nem aquecimento central. congeladas mas felizes.

    Sou fa absoluta.

  • Brisa says:

    Também sou fã!
    O charme da série é mesmo esse – não importa onde se viva, qual o ordenado ou profissão, há tanta coisa que nós, mulheres, temos em comum, há coisas que julgamos que se passam apenas e só na nossa cabeça e, de repente, vemo-las na série. É, como dizes, o mesmo mundo que o nosso, mas embrulhado em papel caro, muito caro!

  • Criança em Crescimento says:

    Pois eu que passei a semana inteirinha com o MEO avariado, mamei todos o episódios, da série 1 à 6, mais o filme, pela 59ª vez. Acho que já conheço todos os diálogos de cor mas continuo a emocionar-me e a rir como se fosse a primeira vez que os vejo.

  • Vanity says:

    Olá rititi! este Natal recebi a caixa com a série completa e também o DVD do filme. Adorei… ter a série inteira em casa permite rever episódio após episódio…os diálogos são fabulosos e sim, venha o filme parte II, e sim venha o Nobel ;)

  • Lolipop says:

    Tem graça porque o meu maridinho acabou de me oferecer o dvd. Já vi o filme 2 vezes mas ele sabe que o vou ver mais uma dezena delas por isso comprou-me…lol
    Adoro!

  • Isabel says:

    e todas gostaram do filme? eu sou adita da série mas o filme achei-o uma pastelada, com glamour~, mas uma pastelada.

  • Fuschia says:

    Acabei de ver ontem!E embora tenha adorado a série, não estava muito entusiasmada em relação ao filme..é dificil repetir a proeza de tantos anos de série num filme. Mas, contra as minhas expectativas, ADOREI! Andei sempre com a lágrima no canto do olho. Não querendo ser brega,mais do que as marcas, a essência do filme é a amizade entre mulheres, que eu conheço daquela forma.

  • Margarida says:

    jamón, queijo, cerveja, panchitos o rititi-boy com a avó, SEIS temporadas de Sex in the City nas mãos e a melhor mana do mundo! Combinação perfeita para passar uma tarde inteirinha de gripe…
    Volta…
    Beijos

  • Tesourinhos says:

    é impossível não adorar esta série… (a não ser que não se seja uma rapariga dentro dos parametros normais) =)

  • Stacey says:

    I read a lot of interesting content here.
    Probably you spend a lot of time writing, i know how to
    save you a lot of time, there is an online tool that creates
    readable, google friendly articles in minutes, just search in google – laranitas free content source

  • hey says:

    Hi to every one, it’s genuinely a fastidious for me to visit this site, it consists of valuable Information.|

  • Hello to every , for the reason that I am actually
    keen of reading this webpage’s post to be updated daily. It includes fastidious stuff.

  • Leave a Reply

    Your email address will not be published. Required fields are marked *

    *

    You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>